Igenomix Brasil (11) 3197 5846 / 2111

Oncodona

Painel de detecção precoce do risco de câncer hereditário de mama e de ovário

1. O que é o teste Oncodona?

Teste Oncodona

Oncodona é um teste genético que analisa 21 genes relacionados com o câncer hereditário de mama e ovário.

Oncodona é o teste genético da IGENOMIX mais avançado para identificar de forma precoce as mulheres com predisposição ao câncer hereditário. Este teste analisa através da tecnologia de sequenciamento massivo (NGS – Next Generation Sequencing), a informação genética presente em um painel de 21 genes, que inclui os genes BRCA1 e BRCA2, entre outros genes ligados ao câncer hereditário, com o objetivo de identificar alterações potencialmente prejudiciais.

A presença de uma alteração ou mutação em algum dos genes estudados indica que a mulher portadora possui um risco mais elevado de desenvolver tumores de mama, ovário ou outros tipos de câncer relacionados.

2. Quais genes são analisados no teste?


Além dos BRCA1 e BRCA2, o teste Oncodona analisa outros genes relacionados ao risco de câncer de mama e ou ovário, sendo por isso mais completo:
Genes são analisados no teste Oncodona

3. O que são os genes BRCA1 e BRCA2?


O risco de uma mulher desenvolver o câncer de mama ou de ovário aumenta consideravelmente se ela for portadora de uma mutação hereditária nos genes BRCA1 e BRCA2.

Os genes BRCA1 e BRCA2 são os mais importantes genes relacionados com o desenvolvimento do câncer hereditário de mama e de ovário. Estes genes produzem proteínas que ajudam a reparar danos nas células. Se um destes genes sofreu uma mutação ou alteração, a função reparadora da proteína é insuficiente ou ausente, o que aumenta a probabilidade de acumular alterações genéticas que podem favorecer o desenvolvimento e um tumor.
O risco de uma mulher padecer de câncer de mama ou de ovário, assim como de outros tipos de câncer relacionados, aumenta consideravelmente se existe uma alteração nos genes BRCA1 ou BRCA2.

A presença de mutações nos genes BRCA1 e BRCA2 é 20 vezes maior nas mulheres com câncer de mama precoce, ou seja, antes dos 40 anos. As mutações no BRCA1 e BRCA2 representam aproximadamente 5% dos casos de câncer de mama e 10-15% dos casos de câncer de ovário.

4. Por que realizar o Teste Oncodona?

Por que realizar o Teste Oncodona
Um resultado positivo no teste Oncodona pode ter implicações importantes na saúde de outros membros da família e também deve ser considerado para o planejamento das gerações futuras.

Até 4% das pacientes com diagnóstico de câncer de mama e resultados negativos para BRCA1 e BRCA2 podem encontrar mutações em outros genes estudados pelo teste Oncodona.

Além de descartar dúvidas, em caso de resultado positivo é possível adotar medidas personalizadas de acompanhamento preventivo tanto no paciente quanto nos familiares.
• Portadoras diagnosticadas com câncer têm maior predisposição para serem afetadas por outro tipo de câncer. Nestes casos é fundamental a realização de exames intensivos que podem localizar eventuais tumores em estágio inicial, aumentando a taxa de sucesso do tratamento.
• No caso de identificar alterações em pessoas que não manifestaram a doença, são desenvolvidas opções preventivas de controle personalizado.

Quando detectada uma mutação em um membro da família, existe um risco superior de outros membros da família serem portadores da mesma mutação.

• As pessoas portadoras de mutações podem transmitir as mesmas aos seus filhos e filhas com uma probabilidade de 50%.
• Se uma pessoa herdou uma alteração genética, o risco de seus irmãos também serem portadores da mesma mutação é de 50%.

5. Para quem o teste é indicado?

Para quem o teste é indicado?
O teste Oncodona oferece aconselhamento genético de uma equipe especializada.

Oncodona é um teste completo e simples de realizar indicado para todas as mulheres que querem ter a máxima informação sobre seu risco pessoal de desenvolver um câncer hereditário.
A informação proporcionada através do teste Oncodona permite personalizar o programa de prevenção do câncer de mama e ovário. É indicado para:

• Mulheres com diagnóstico de câncer de mama que obtiveram negativo no teste genético BRCA1 e BRCA2.
• Mulheres com familiar diagnosticado com câncer de mama ou de ovário.
• Mulheres sem risco de câncer conhecido

6. Como realizar o teste?

fluxo oncodona

Tempo de entrega dos resultados: 30 dias úteis